Perdi meu passaporte o que devo fazer?

Perdi meu passaporte no exterior o que devo fazer?

Se você perdeu o passaporte no exterior, a primeira coisa é descobrir se há uma embaixada ou consulado brasileiro nesta cidade. Se você tiver internet, é só entrar no site do Ministério de Relações Exteriores, que tem a relação completa. Em um país onde exista uma representação, o processo será mais fácil. Depois é preciso pensar o que deseja fazer: voltar para a casa ou seguir viagem. O procedimento menos burocrático é voltar para o Brasil.
Se no seu caso, você perdeu todos os documentos, inclusive o passaporte, e tem passagem marcada para voltar ao Brasil em poucos dias – O passaporte somente poderá ser concedido mediante a apresentação de todos os documentos exigidos por lei. Nesse caso, o Consulado poderá lhe dar um documento – gratuito – denominado ARB (Autorização de Retorno ao Brasil), válido exclusivamente para retornar ao Brasil. Você poderá retirar seu novo passaporte no Brasil, quando estiver com todos os seus documentos novamente em mãos.

Quem perdeu o passaporte no meio de um roteiro e pretende seguir viagem, o procedimento é um pouco mais complicado, já que é o mesmo exigido quando se tira o documento no Brasil. Por isso, temos que contar com alguém da família para reunir todos os documentos necessários, autenticar cópias e enviar tudo para o exterior.

Se o país não tiver representação brasileira, é preciso encontrar a mais próxima. Quando conseguir, é preciso entrar em contato por e-mail ou telefone, explicar a situação e começar o trâmite, que será o mesmo em países onde há consulado. O turista precisa enviar uma cópia da carteira de identidade, se quiser uma autorização para voltar para casa. No caso de um novo passaporte, terá de enviar toda a documentação e pagar as taxas. A autorização ou o passaporte serão enviados pelos correios para o endereço informado pelo requisitante. Se a estadia no destino estava programada para uma semana ou menos, então será necessário esticar a reserva para mais dias, uma vez que o trâmite pode demorar, tanto pela demanda do consulado, quanto pela entrega dos correios.


As dicas para ter menos dor de cabeça são*:

– Tenha sempre em casa cópias autenticadas dos seus documentos, como carteira de identidade, título de eleitor, certificado de alistamento militar, certidão de nascimento ou casamento para tirar um novo passaporte quando voltar. Antes de viajar, deixe com alguém de sua confiança. Qualquer emergência, a pessoa poderá te enviar os papéis scaneados.

– Sempre leve uma cópia do seu passaporte e do visto (este último no caso dos Estados Unidos). Deixe os originais no cofre do hotel (se não for precisar) e ande sempre com as cópias na carteira cinto.

– Guarde todos os objetos de valor, passagens de avião/trem, e as grandes quantias de dinheiro no cofre, no quarto do hotel. Se quiser levar um pouco mais de dinheiro para sair, guarde na carteira cinto, por dentro da calça. Evite deixar grandes quantias na bolsa.

– Sempre tire xerox dos seus cartões do banco – frente e verso – e anote também os telefones de emergência do exterior, de seu banco e da operadora de seu cartão de crédito (Visa, Mastercard etc), além do número de seu cartão de crédito.

– Leve também na carteira cinto o nome e o endereço do local em que estiver hospedado, para o caso de se perder na cidade.

*Dicas inspiradas no blog da Luciana Atheniense – Viajando Direito e nas minhas experiências pessoais.

Fonte Site passaporte pronto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *